Blog, Comportamento

Tenho dificuldade em expressar meus sentimentos, como lido com isso?

Você conhece Alexitimia? É A dificuldade de reconhecimento e inabilidade que muitos possuem em expressar suas emoções e sentimentos, o termo técnico é pouco conhecido, contudo muitos de nós já passamos por situações que nos deixaram assim por um breve  momento e há aqueles que possuem essa característica de personalidade acarretando grande desconforto e sofrimento em suas vidas.  

As principais características da Alexitimia são:
– dificuldade de identificar os sentimentos e distingui-los entre si;
– dificuldade de descrever o que se sente para outras pessoas;
– Pouca criatividade, possivelmente, devido à pouca o estímulo externo;

– Modelo Cognitivo excessivamente concreto e operacional ;

– Baixa autoestima.

No cotidiano a Alexitimia é atribuído ao “modo de ser” do indivíduo, um jeitão mais caladão de algum familiar ou amigo mais próximo, entretanto é importante lembrar que a Alexitimia em uma atuação mais intensa leva a doenças psicossomáticas como a depressão, prejuízos cognitivos, afetivo,  sociais  e adoecimentos  com maior freqüência e gravidade.

De maneira geral as pessoas com dificuldade de expressar seus sentimentos possuem a percepção que seu desejo de receber apoio emocional adequado não será atendido, algumas bibliografias da área sugerem que quando criança esses indivíduos foram muito criticados e o seu “organismo” não aprendeu a lidar com essas críticas ou não foram ensinados a compreender ou perceber o processo de distinção de sentimentos. Já na fase adulta muitos se  demonstram agressivos nas poucas verbalizações que fazem, percebamos que esse comportamento agressivo na realidade é um mecanismo de proteção às críticas que sempre lhe soam mais pesadas na mente ou a não percepção que o seu comportamento é agressivo ao outro.

Aprendendo a lidar com a Alexitimia.

Neste artigo apresentaremos  04 formas  para lhe auxiliar em sua dificuldade de expressar seus sentimentos.

1-  Tenha um diário para escrever o que você pensa e sente – Escreva o que você gostaria de dizer às pessoas em sua volta, depois leia o que você escreveu e avalie: se você fosse outra pessoa, entenderia o que você está querendo dizer? Se a resposta for não, reescreva de outra forma, a fim de tornar mais clara as suas idéias e sentimentos.

2- Faça um curso/oficina de linguagem corporal ou teatro – A linguagem corporal ou linguagem não verbal faz uso dos gestos para se comunicar. Isso não quer dizer que você deve trocar as palavras por mímica ou pela linguagem dos sinais. A linguagem corporal vai muito, além disso, e se refere ao olhar, ao sorriso, às mãos, sendo que você sempre usa essa linguagem, mesmo que não perceba. Se você participar de alguma oficina da área melhorará sua percepção quanto a sua expressão e as pessoas ao seu lado podendo corresponder melhor diminuindo o sofrimento.

3- Se possível faça parceria com um amigo de confiança nos vários ambientes que participa – Ter alguém em quem confia é sempre muito bom para lhe auxiliar em ser mais assertivo com as pessoas em sua volta. Converse com seu amigo sobre sua dificuldade e peça a ele ajuda nos momentos em perceber seu excesso de frieza e/ou agressividade com as pessoas em sua volta, mas, não esqueça de falar com ele a forma que gostaria que fosse sinalizado e orientado.

4 – Procure um profissional de psicologia  – Se você percebeu que possui dificuldade para se expressar e lidar com os seus sentimentos, o mais indicado é avaliar qual exatamente é o seu bloqueio, o nível de intensidade e que estratégias precisará usar para lidar com as suas dificuldades. Neste momento um profissional de psicologia é o profissional mais indicado para fazer esta avaliação e confirmação do quadro para em seguida dar início ao tratamento correto lhe proporcionando melhor qualidade de vida.

Espero que a leitura deste artigo tenha lhe ajudado, aproveite e mostre a um amigo que necessita de uma leitura mais apropriada ao problema que esteja passando. Caso queira contribuir com críticas ou sugestões a esta coluna de comportamento escrita por Leonardo Sandro Vieira é só contactar pelo 33-98818-6858 ou 3203-8784 ou pelo e-mail:leosavieira@gmail.com
O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Leoperfil-2.png
Leonardo Sandro Vieira 
CRP-04/43298

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *